Nosso site usa cookies para melhorar a experiência do usuário e recomendamos aceitar seu uso para aproveitar ao máximo a navegação

Uma equipe de 200 sacerdotes te comentam o Evangelho do dia

Ver outros dias:

Dia Litúrgico: Quarta-feira da 24ª semana do Tempo Comum

Evangelho (Lc 7,31-35): Naquele tempo, disse Jesus: «(…) Ora, a sabedoria é reconhecida graças a todos os seus filhos».

Fé e razão: o vício de aceitar somente o "fático"

REDAÇÃO evangeli.net (elaborado com base nos textos de Bento XVI)
(Città del Vaticano, Vaticano)

Hoje, Jesus lamenta a incredulidade dos líderes do povo judeu: Pelos prejuízos, não acreditaram nem em Baptista nem no Senhor. Nosso tempo não está livre de prejuízos mentais (que incapacitam para a fé): Há pessoas incapazes de ver mais além do fático; apenas podem seguir pensando no plano do fático. Somente se vê o palpável! E desde o ponto de vista metafísico, a pessoa se torna mais tonta.

Por esse caminho, a pessoa se incapacita para dar o pulo ao mistério, afogando-se no meramente fático. Quem não consegue perceber o mistério que impera nos fatos da natureza ou da história, enche sua cabeça e seu coração com um monte de coisas que o incapacitam para a profundidade e a amplidão espiritual.

—É incoerente afirmar: “Somente é válido o fático” (o palpável). Essa mesma afirmação é de ordem “metafísico” (quer dizer, mais além do físico, do “factum”). A sabedoria se acredita por seus “filhos”, por suas obras!