Nosso site usa cookies para melhorar a experiência do usuário e recomendamos aceitar seu uso para aproveitar ao máximo a navegação

Uma equipe de 200 sacerdotes te comentam o Evangelho do dia

Ver outros dias:

Dia Litúrgico: Terça-feira da 30ª semana do Tempo Comum

Evangelho (Lc 13,18-21): Naquele tempo, Jesus dizia: «A que é semelhante o Reino de Deus, e com que poderei compará-lo? É como um grão de mostarda que alguém pegou e semeou no seu jardim: cresceu, tornou-se um arbusto, e os pássaros do céu foram fazer ninhos nos seus ramos». Jesus disse ainda: «Com que mais poderei comparar o Reino de Deus? É como o fermento que uma mulher pegou e escondeu em três porções de farinha, até tudo ficar fermentado».

A "medida de Deus” (Parábola do grão de mostarda)

REDAÇÃO evangeli.net (elaborado com base nos textos de Bento XVI)
(Città del Vaticano, Vaticano)

Hoje provavelmente estejamos diante uma época da história da Igreja na que voltamos a ver uma cristandade semelhante àquele grão de mostarda, que já está ressurgindo em pequenos grupos, aparentemente pouco significativos, mas que gastam sua vida dando entrada a Deus no mundo.

Os caminhos de Deus nunca conduzem a resultados rapidamente mensuráveis e, isso pode se comprovar vendo como Jesus Cristo acabou na cruz: A medida que utiliza Deus não é a das estatísticas precisas. Porém, o que aconteceu com o grão de mostarda e com um pouco de fermento foi muito importante e decisivo, porém os discípulos não o podiam ver. Para conhecer os resultados nestas questões devemos esquecer totalmente de proporções quantitativas.

—Não somos um negócio que se contabilize fazendo cálculos do tipo “estamos vendendo muito”. Senhor, desejo prestar-te o serviço de minha vida e deixar-la em tuas mãos. E Tu porás o “incremento”, quando e como Tu queiras.