Nosso site usa cookies para melhorar a experiência do usuário e recomendamos aceitar seu uso para aproveitar ao máximo a navegação

Uma equipe de 200 sacerdotes te comentam o Evangelho do dia

Ver outros dias:

Dia Litúrgico: Sábado V da Páscoa

Evangelho (Jo 15,18-21): «Se me perseguiram, perseguirão a vós também». «Se o mundo vos odeia, sabei que primeiro odiou a mim. Se fôsseis do mundo, o mundo vos amaria como ama o que é seu; mas, porque não sois do mundo, e porque eu vos escolhi do meio do mundo, por isso o mundo vos odeia. Recordai-vos daquilo que eu vos disse: ‘O servo não é maior do que o seu senhor’. Se me perseguiram, perseguirão a vós também. E se guardaram a minha palavra, guardarão também a vossa. Eles farão tudo isso por causa do meu nome, porque não conhecem aquele que me enviou».

Ilustração: Pau Morales

Hoje, Jesus Cristo nos previne sobre as dificuldades por seguir. Ele nos pede um amor de caridade, ou seja, o mesmo amor com que Deus nos ama: respeito total a todas as pessoas, sejam de onde forem, sem excluir a ninguém. Ante as exigências esse “novo amor”, Jesus sofreu a oposição de muitos que não o compreenderam.

—Existe o “amor acomodado”? Quem leva uma vida de “tranquilidade”, sem compromissos, fazendo só o que lhes apetece, não podem suportar o amor autêntico, exigente. Talvez, às vezes, terá que sofrer a burla dos “acomodados”.