Nosso site usa cookies para melhorar a experiência do usuário e recomendamos aceitar seu uso para aproveitar ao máximo a navegação

Uma equipe de 200 sacerdotes te comentam o Evangelho do dia

Ver outros dias:

Dia Litúrgico: Terça-feira da 16ª semana do Tempo Comum

Evangelho (Mt 12,46-50): «Quem é minha mãe, e quem são meus irmãos?». E, estendendo a mão para os discípulos, acrescentou: «Eis minha mãe e meus irmãos. Pois todo aquele que faz a vontade do meu Pai, que está nos céus, esse é meu irmão, minha irmã e minha mãe». Enquanto Jesus estava falando às multidões, sua mãe e seus irmãos ficaram do lado de fora, procurando falar com Ele. Alguém lhe disse: «Olha! Tua mãe e teus irmãos estão lá fora e querem falar contigo». Ele respondeu àquele que lhe falou: «Quem é minha mãe, e quem são meus irmãos?». E, estendendo a mão para os discípulos, acrescentou: «Eis minha mãe e meus irmãos. Pois todo aquele que faz a vontade do meu Pai, que está nos céus, esse é meu irmão, minha irmã e minha mãe».

Ilustração: Sr. Josep Lluís Martínez i Picañol (Picanyol)

Hoje Maria quer ver o seu Filho… e não consegue porque a casa está casa repleta de gente escutando a seu Filho. À primeira vista, a reação de Jesus soa como um desprezo a sua Mãe. Mas é todo o contrário!

—Cristo alaba a sua Mãe no mais importante de um bom filho de Deus: a obediência à vontade divina. Você lembra das palavras com que a Virgem respondeu ao Arcanjo São Gabriel?