Nosso site usa cookies para melhorar a experiência do usuário e recomendamos aceitar seu uso para aproveitar ao máximo a navegação

Uma equipe de 200 sacerdotes te comentam o Evangelho do dia

Ver outros dias:

Dia Litúrgico: Domingo III (C) do Advento

Evangelho (Lc 3,10-18): As multidões lhe perguntavam: «Que devemos fazer?». As multidões lhe perguntavam: «Que devemos fazer?» João respondia: «Quem tiver duas túnicas, dê uma a quem não tem; e quem tiver comida, faça o mesmo!» Até alguns publicanos foram para o batismo e perguntaram: «Mestre, que devemos fazer?» Ele respondeu: «Não cobreis nada mais do que foi estabelecido». Alguns soldados também lhe perguntaram: «E nós, que devemos fazer?» João respondeu: «Não maltrateis a ninguém, nem tomeis dinheiro à força; não façais denúncias falsas e contentai-vos com o vosso salário».

Como o povo estivesse na expectativa, todos se perguntavam interiormente se João era ou não o Cristo, e ele respondia a todos: «Eu vos batizo com água, mas virá aquele que é mais forte do que eu. Eu não sou digno de desatar a correia de as suas sandálias. Ele vos batizará com o Espírito Santo e com fogo. Ele traz a pá em sua mão para limpar a eira, a fim de guardar o trigo no celeiro; mas a palha, ele queimará num fogo que não se apaga». Assim e com muitas outras exortações, João anunciava ao povo.

Ilustração: Francesc Badia

Hoje estamos muito perto do Natal. E também nos fazemos a mesma pergunta: o que devemos fazer? O Batista pediu às pessoas que agissem com justiça. Isso significa que devemos cumprir nossos compromissos e deveres: estudar, chegar a tempo, emprestar coisas, evitar discussões, não ser caprichosos e nos contentar com o que temos, trabalhar em casa sem ter que perguntar de novo e de novo. ...

O lugar do nascimento de Jesus não foi confortável para a Virgem Maria. Mas São José ajudou-a muito. E você?