Nosso site usa cookies para melhorar a experiência do usuário e recomendamos aceitar seu uso para aproveitar ao máximo a navegação

O Evangelho de hoje
para a família

Evangelho de hoje + desenho + catequese

4 de Novembro: São Carlos Borromeu, bispo

Baixar
Evangelho (Jo 10,11-16): Naquele tempo, Jesus falou assim: «Eu sou o bom pastor. O bom pastor expõe a sua vida pelas ovelhas». Naquele tempo, Jesus disse: «Eu sou o bom pastor. O bom pastor dá a sua vida pelas ovelhas. O mercenário, e o que não é pastor, a quem não pertencem as ovelhas, vê vir o lobo e abandona as ovelhas e foge e o lobo arrebata-as e espanta-as, porque é mercenário e não lhe importam as ovelhas. Eu sou o bom pastor; conheço as minhas ovelhas e as minhas ovelhas conhecem-me, assim como o Pai me conhece e Eu conheço o Pai; e ofereço a minha vida pelas ovelhas. Tenho ainda outras ovelhas que não são deste redil. Também estas Eu preciso de as trazer e hão-de ouvir a minha voz; e haverá um só rebanho e um só pastor.»

Ilustração: Pili Piñero

Hoje, a Igreja celebra a santidade de um grande pastor de almas: São Carlos Borromeu, que foi bispo da diocese de Milão. São Carlos era descendente de uma família muito rica. Renunciou a tudo para se dedicar a 100% ao serviço da Igreja. No seu escudo tinha só uma palavra: “Humilitas”. Os autênticos reformadores são santos à prova de bala…

—São Carlos não exerceu a actividade pastoral como mais uma ocupação entre outras: a atenção das almas e a oração eram a sua vida. E, por isso, viajou e percorreu o território da sua enorme diocese (que incluía também Veneza, Suiça…) para conhecer a sua gente e atendê-la.