Nosso site usa cookies para melhorar a experiência do usuário e recomendamos aceitar seu uso para aproveitar ao máximo a navegação

Uma equipe de 200 sacerdotes te comentam o Evangelho do dia

Ver outros dias:

Dia Litúrgico: Segunda-feira da 29ª semana do Tempo Comum

Santos 22 de Outubro: São João Paulo II, papa

Evangelho (Lc 12,13-21): [Jesus] disse-lhes: «(…) Atenção! Guardai-vos de todo tipo de ganância, pois mesmo que se tenha muitas coisas, a vida não consiste na abundância de bens».

O desenvolvimento humano

REDAÇÃO evangeli.net (elaborado com base nos textos de Bento XVI)
(Città del Vaticano, Vaticano)

Hoje Jesus Cristo fala-nos do verdadeiro “desenvolvimento” do homem e adverte-nos do perigo (inclusive, ridiculez) da cobiça. As realidades da verdade e do amor —o nosso autêntico caminho— não podem-se encontrar no mundo das quantidades, só podemos achá-las se chegarmos mais além deste mundo e entrarmos numa nova ordem.

Afirmava-se que os dinossauros extinguiram-se porque tiveram um desenvolvimento errôneo: caparaça demais e pouco cérebro, músculos demais e pouca inteligência. Estaremos desenvolvendo-nos também de maneira errônea? Técnica demais, mas pouca alma?; Uma caparaça grossa com capacidades materiais, mas um coração vazio? No meio de tantas coisas e tanto aparentar, será que temos perdido a capacidade de ouvir a voz de Deus, de reconhecer o verdadeiro, o bom e belo?

—Senhor, nosso Deus, tenhas misericórdia de nós para que compreendamos que o desenvolvimento verdadeiramente humano está antes no “ser” do que no “ter”.