Nosso site usa cookies para melhorar a experiência do usuário e recomendamos aceitar seu uso para aproveitar ao máximo a navegação

Uma equipe de 200 sacerdotes te comentam o Evangelho do dia

Ver outros dias:

Dia Litúrgico: Quinta-feira da 2ª semana do Advento

Santos 13 de Dezembro: Santa Luzia, virgem e mártir

Evangelho (Mt 11,11-15): Naquele tempo, Jesus disse: «Em verdade, eu vos digo, entre todos os nascidos de mulher não surgiu quem fosse maior que João Batista. No entanto, o menor no Reino dos Céus é maior do que ele (...). Pois até João foi o tempo das profecias — de todos os Profetas e da Lei. E, se quereis aceitar, ele é o Elias que há de vir. Quem tem ouvidos, ouça».

Jõao o Batista: é o precursor da chegada de Deus mesmo

REDAÇÃO evangeli.net (elaborado com base nos textos de Bento XVI)
(Città del Vaticano, Vaticano)

Hoje aparece a figura de João enraizada profundamente no Antigo Testamento. João o Batista era um sacerdote, descendente de Zacarias —sacerdote do categoria de Abias— e de Isabel —proveniente da família sacerdotal de Aarão—. Em João o sacerdócio da Antiga Aliança se dirige a Jesus.

A missão de João é interpretada baseada na figura de Elias: ele não é Elias, mas vem com o espírito e a pujança do grande profeta. Juan cumpre em sua missão também a expectativa de que Elias voltaria, purificaria e aliviaria ao povo de Deus; o prepararia para a vinda do Senhor. Com isto se inclui, por um lado, na categoria dos profetas, embora, por outro, simultaneamente se exalta por cima dela porque o Elias que está por voltar é o precursor da chegada de Deus mesmo.

—Assim, nestes textos se põe tacitamente a figura de Jesus, sua chegada, no mesmo plano que a chegada do próprio Deus.